Skip to main content

Estudar trabalhando o dia inteiro: saiba como enfrentar esse desafio!

Por 25/11/2018janeiro 19th, 2019Dicas, Técnicas, Videos

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor-Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concursos.

Como estudar para concursos se você trabalha o dia inteiro? Vou explicar aqui como enfrentar melhor esse desafio de conciliar as duas coisas. Confira!

 

Se você trabalha o dia inteiro e está estudando para concurso ou quer estudar para concursos, deve saber que enfrentará diversos desafios!

 

Vai ter o desafio do tempo, da qualidade do estudo e do sono, enfim, vários aspectos vão ter que ser levados em consideração ao mesmo tempo para você poder conseguir um resultado melhor. Vamos tratar então de alguns desses aspectos aqui.

Primeiramente, sim, você tem menos tempo e não vai conseguir estudar tanto quanto aquela pessoa que só faz meio expediente e que está em casa o dia inteiro. Porém, não se preocupe! A maioria dos aprovados trabalhava enquanto estudava. Esse foi um exemplo estatístico dos aprovados do último concurso de auditor da Receita Federal de 2014 que indicou que a maioria trabalhava e estudava, por exemplo.

Então, não precisa pensar e largar o emprego, pelo menos no começo. Até porque largar o emprego resulta em diversas implicações não tão positivas também.

 

Eu vou trazer aqui algumas dicas de como otimizar o seu dia-a-dia e saber respeitar os seus limites também e de que forma a lidar com a organização do seu tempo.

 

Trabalhando o dia inteiro é provável que você chegue em casa por volta das 18:30 ou 19 horas e tenha até 22:30 ou 23h para estudar. Isso significa que você vai ter normalmente 3 horas por noite para estudar.

Apesar disso, sabemos que se você começa a estudar às 19h e para às 22h, você não vai estudar 3 horas, você vai ter intervalos, vai ter alguma distração, alguma coisa que vai fazer você levantar, o tempo de troca entre as matérias, então essas 3 horas não contam como tempo líquido. O tempo líquido é aquele marcado no cronômetro.

O fato é que, normalmente, você vai ter na faixa de 3 horas por dia para estudar, caso trabalhe o dia inteiro. Essa é uma boa quantidade. Dá para você estudar durante a semana dessa forma, mas também tem como otimizar, tem como dar uma melhorada nisso aí.

 

Clube das 5 horas da manhã!

 

Eu tenho falado no meu canal sobre como acordar mais cedo, como lidar com sono e falei do tal “clube das 5 horas da manhã” que é composto por pessoas que acordam às 5h da manhã para trabalhar, para estudar, enfim, para serem mais produtivas. 

Eu fiz isso durante um bom tempo e ainda estou oscilando, como eu falei em um outro vídeo, eu mudei de local de trabalho recentemente na Receita Federal e estou trabalhando em plantão de 24h por 72h o que deu uma “frustrada” naquele propósito de acordar cedo, mas eu estou conseguindo levar isso na maioria dos dias.

De qualquer forma, quero te explicar porque é interessante acordar cedo. Quem consegue estudar antes do trabalho, pelo menos uma duas ou três horas, tem um rendimento melhor. Então, se você entra no trabalho às 8h ou às 9h e conseguir acordar às 5h, você vai estar com sono no começo, vai ser um desafio e tal, mas a tendência é que se você conseguir manter isso você vai ter uma produtividade melhor.

Acordando cedo, você vai estar descansado seu cérebro vai estar limpinho, novinho para começar o dia.  Isso vai fazer com que você tenha um rendimento bem melhor, uma melhor retenção de conteúdo.

Então, é melhor você estudar duas horinhas antes de ir trabalhar e mais uma horinha depois que chegar do trabalho. Digo isso pois estudar uma horinha é tranquilo para você se arrumar e deitar para dormir logo depois de um dia cansativo.

Lembrando que o grande desafio de acordar às 5 horas da manhã não é levantar cedo é deitar cedo. Você terá que ajustar a sua rotina e combinar com as pessoas que moram com você para poder conseguir dormir às 10 horas da noite, por exemplo, ao invés de ir dormir à meia-noite ou 1h da manhã, como fazemos normalmente.

Seu grande “trunfo” será aos finais de semana.  Não force a barra durante a semana. Tente levar uma semana saudável e equilibrada com o sono em dia para que ao chegar sábado e domingo você consiga estudar muito mais que durante a semana. Isso significa que você poderá estudar 5 horas líquidas no sábado e 4 horas líquidas no domingo, de preferência pela manhã também para você ter o resto do dia para descansar, ficar com a família ou fazer algum lazer leve.

Acredite! Se você conseguir fazer 5h ou 6h num dia ou no outro, você já vai ter um grande acréscimo com relação a sua carga horária total, vai fazer a diferença na sua preparação,

 

A principal dica para o fim de semana é acordar razoavelmente cedo.

 

Acorde cedo e já “ataque” os estudos desde o início para você terminar no máximo até a hora do almoço ou logo após o almoço e ter o resto do dia livre.

Isso também vai te proteger de imprevistos, compromissos, enfim, das coisas que surgem no decorrer do fim-de-semana, aqueles convites irrecusáveis, eles não vão te atrapalhar pois você já vai ter estudado.

Muitas pessoas conseguem também estudar um pouquinho durante o trabalho, seja no horário do almoço, seja no meio do expediente de alguma forma bastante escondida, mas a maioria das pessoas conseguem, principalmente quem já é servidor e tem um trabalho mais tranquilo.

Estudar no horário de trabalho não é o melhor dos ambientes, vai ter barulho, distrações e interrupções. Então, não é interessante que você leia a teoria das matérias no local de trabalho. O interessante é que você faça alguma outra coisa como as revisões e resolução de questões, por exemplo. Deixe a teoria para ler em casa e, como falei, antes do trabalho, preferencialmente.

Então, pela manhã você lê a teoria, no trabalho você realiza algumas revisões e exercícios e à noite, em casa, você completa o que faltou da sua carga horária diária de estudos. Eu sei que não é fácil, mas se possível!

 

Faça alguma atividade física!

 

Nem que você faça, por exemplo, sábado, domingo e quarta-feira, ou seja três vezes na semana. Faça uma caminhada vigorosa ou uma corridinha leve, alguma atividade ou esporte, alguma coisa assim.

Eu fazia isso durante a minha preparação. Eu jogava futebol toda quarta à noite e dava uma corrida no calçadão aos sábados para melhorar o meu condicionamento físico. Isso foi muito importante para mim.

Uma atividade esportiva exaustiva como futebol, tênis ou alguma outra coisa faz com que você dê aquela “descarregada” de energia e você tenha mais disposição durante a semana.  Também te ajuda a dormir melhor, coisa que terá um impacto muito grande nos seus estudos.

 

Tenha em mente que a maioria das pessoas que se propõem a estudar para concursos não param até alcançar a aprovação.

 

Isso significa que, se você tá entrando agora nesse mundo do estudo para concursos, pode ser que leve 6, 12, 24 ou 36 meses até você ser aprovado, mas que você não volte atrás.

Quem entra no “mundo dos concursos” vai sentindo a evolução, vai sentindo que está dominando cada vez mais as matérias, vai tendo resultados melhores e vai vendo a aprovação cada vez mais se aproximando também.

Mude a sua cabeça para você entender que a iniciativa privada tá ficando para trás, então não dá para você querer se tornar um auditor da Receita Federal e ficar preocupado com “aquela” promoção no trabalho. A sua cabeça tem que começar a mudar, está na hora de você dar um passo atrás para dar três passos para frente.

Promoções daquele cargo que você almeja, aquele prestígio dentro da empresa, tudo isso você vai ter que abrir mão. Vai ter que diminuir sua importância no trabalho e talvez a sua remuneração, mas é importante ter menos stress, é importante ter menos demandas e menos horas-extra para você poder se dedicar mais aos seus estudos.

Não tem como fazer omelete sem quebrar os ovos. Você vai ter que deixar o seu emprego na iniciativa privada cada vez mais em segundo plano, para poder se dedicar ao seu novo sonho.

 

ESTUDE COMIGO DURANTE 12 MESES!

 

O Coaching (mentoria ou consultoria) é um atendimento em grupo. Eu faço o seu planejamento de estudos inicial, dou acesso a dezenas de vídeos exclusivos com técnicas de estudo e abro espaço para todos os alunos conversarem e trocarem experiências de como estão estudando. CLIQUE AQUI para saber mais!

 

 

E-BOOK GRÁTIS – 9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

Neste eBook, conto minha trajetória e explico passo a passo o que você deve fazer para extrair o máximo dos seus estudos para concursos públicos:

 

9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

SAIBA MAIS:

 

ACORDAR ÀS 5 HORAS DA MANHÃ PARA ESTUDAR!

CHEGA DE “MIMIMI” NOS ESTUDOS!

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas postagens.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos.

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

Deixe seu comentário Um comentário

  • Fabiana Marques disse:

    Prof Diogo, no meu caso trabalho de 13 as 22:30, então nunca durmo antes das 00. As 5 fica inviável acordar mas consigo os benefícios acordando as 7 por exemplo? Durante o trajeto de ônibus. Acha mais viável ouvir vídeo aula, ou responder questões via App, já que as vezes o trajeto é em pé :/

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?