Skip to main content

Faculdade e concurso – como conciliar?

Por 14/09/2018janeiro 19th, 2019Técnicas, Videos

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor-Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concursos.

Fazer faculdade ou estudar para concurso? Se está na faculdade, como conciliar com concurso? Quais as melhores faculdades (cursos) para quem pensa somente em estudar e passar num bom concurso? Volta e meia recebo essas perguntas e por isso gravei esse vídeo. Compartilhe sua experiência com os estudos aqui nos comentários!

 

Como conciliar o estudo para concurso público com a faculdade?

 

Claro que cada caso é um caso, então eu vou traçar aqui alguns cenários e possíveis e vamos ver em qual você se encaixa. 

Se você trabalha o dia inteiro e faz faculdade à noite, você realmente não vai ter tempo para estudar durante a semana. Dá para compensar no fim de semana, mas você também tem que viver.

Então, tem que pesar bem a quantidade de horas que você vai gastar estudando. Se você for um completo antissocial, ótimo, você vai estudar sábado e o domingo o dia inteiro, e vai ficar legal.

Só que: durante a semana, é bem provável que você consiga estudar alguma coisa no trabalho ou na faculdade, dependendo da faculdade.

Utilize ali meia hora a 1 hora durante o dia para estudar também.

Caso contrário, seria interessante que você conseguisse estudar pelo menos 1 hora durante o dia. Pode ser na hora do almoço, um almoço estendido no trabalho, pode ser entre o trabalho e a faculdade, pode ser matando uma aula da faculdade… Enfim.

É interessante que você consiga encaixar um pouquinho de carga horária nessa semana.

Então, se sua realidade é essa, de quem tem pouco tempo para estudar, não dá para pegar muitas matérias. É mais interessante que você use esse tempo para se acostumar com certas matérias importantes, como Direito Administrativo e Direito Constitucional.

Essas duas vão servir para qualquer concurso, fazem parte do grupo básico de matérias que são cobradas na maioria dos certames.

Então, se você é uma pessoa com um mínimo tempo para estudar, eu recomendo pegar essas duas matérias. Direito Administrativo e Direito Constitucional.

 

Se possível, melhore o seu Português também.

 

Não vai dar para ficar aprendendo Português em cima da hora se você for ruim nessa matéria. E, acredite em mim, Português é muito importante.

Todas as questões estão escritas em Português, é uma matéria que vale mais pontos na maioria das provas e vai impactar diretamente a sua capacidade de interpretar enunciados e acertar questões.

Se você tem um pouquinho mais de carga horária durante a semana, você pode ver essas 3 matérias e encaixar uma quarta. Se você já é bom em Português, você mantém os 2 Direitos e encaixa mais 2 matérias.

 

Quais matérias?

 

Depende da área do concurso para o qual você está estudando. É muito importante definir a área.

Se é a área fiscal, é importante você ver Direito Tributário, Contabilidade.

Se é a área de controle, Tribunais de Contas e etc, é interessante ver Administração Financeira e Orçamentaria e Contabilidade Pública.

O importante é que você já vá pegando contato com essas matérias que são muito importantes e difíceis. São o coração da área do seu concurso.

 

Diogo, eu estou me formando agora, vou escolher uma faculdade, meu negócio é ser concursado. Não importa a faculdade. O quê que eu faço?

 

Faça um curso de Tecnólogo. Eu me formei como Tecnólogo em Gestão Financeira, mas também me formei em Psicologia, e o curso de Tecnólogo é um curso superior e ele serve sim para você tomar posse em qualquer concurso, desde que seu curso seja aprovado pelo MEC.

É uma boa alternativa, são dois anos de duração e você já está apto a fazer provas de nível superior.

 

Diogo, eu estou cursando a faculdade, eu não estou gostando, eu tenho tempo livre, sim, eu não estou fazendo estágio e nem nada disso, o quê que você me sugere?

 

Uma possibilidade é estudar para concursos menores, concursos de nível médio, que tem um salário menor. Mas, geralmente, num concurso de nível médio, você consegue estudar também.

Então, quando acabar a faculdade, você já vai estar mantendo ali aquela rotina de estudos para concurso e vai conseguir se dedicar ainda mais, vai conseguir se dedicar para concursos de nível superior.

Mas, não se engane! A maioria dos aprovados para concurso de nível médio hoje em dia tem curso superior. A coisa não tá fácil para ninguém, está todo mundo topando qualquer salário.

Então, não significa que vai ser fácil, vai ser difícil sim. Mas você já pode começar por aí e utilizar esse concurso como escada. Você fica ali até passar num concurso melhor.

 

Isso nos leva a uma outra pergunta: “Diogo, fui aprovado num concurso pequeno. Assumo ou não? Não preciso do dinheiro.”

 

Bom, essa é uma questão profundamente pessoal e é difícil saber, se você assumir, se aquilo ali vai te atrapalhar ou não.

Eu conheço casos de quem passou em concurso pequeno, estava estudando para concurso grande, assumiu o concurso pequeno, não conseguiu manter o mesmo gás e não conseguiu a aprovação no concurso grande.

Foi o trabalho, foi a posse nesse emprego menor que atrapalhou? Pode ser que sim, pode ser que não, impossível medir.

Mas, na minha opinião, é uma coisa que pode vir a atrapalhar sim.

Eu nunca quis começar por um concurso menor. Tinha combinado com os meus pais, eles iam me bancar, eu tinha 25 para 26 anos, e minha mira foi sempre no concurso para auditor da Receita Federal.

Esse era o meu objetivo e eu ralei até chegar lá.

Mas eu sei que é muito difícil ficar 2, 3 anos estudando, sem receber um salário, existe a pressão social, familiar… Tem sempre aquela tia que pergunta, “E, aí? Não passou em nenhum concurso não?”

Todo natal é a mesma coisa, você tem a vontade de enfiar a cabeça em um buraco, mas, se você tiver a tranquilidade, se você tem o apoio da família, ou tem a questão financeira resolvida, eu, nessa situação, preferiria focar num concurso maior, como eu mesmo fiz.

 

Um outro mito com relação a faculdade é: qual curso escolher, pensando no concurso? Devo fazer Direito, para já ter facilidade com os Direitos e a coisa ficar mais tranquila?

 

Olha, sinceramente, se você não está nem aí para a formação, eu, repito, faria o curso de Tecnólogo. Mas, eu não acho que fazer Direito vá atrapalhar, como eu também não acho que fazer Contabilidade vá atrapalhar.

Mas é muito importante desmontar esse mito, de que só passa quem tem essas duas formações.

Como eu falei, eu sou formado em Psicologia. Vários amigos meus aprovados eram formados em Medicina, Veterinária, Publicidade… Enfim, tudo quanto é tipo de formação.

Tem muito Engenheiro, tem muito odontólogo também, não importa. Não fará mal fazer essas duas faculdades, a não ser que elas te atrapalhem muito a estudar para concurso e tomem tempo demais, mas também não vejo motivo para fazer as duas, eu não acho que elas vão ser um grande diferencial para a sua aprovação.

Já tive vários alunos formados em Contabilidade que tinham dificuldade sim com a Contabilidade para concurso, que é bastante peculiar. Ok? Então, uma coisa não elimina a outra.

 

Por fim, está cada vez mais comum o pessoal sair da faculdade direto para o concurso.

 

Concursado, aprovado mesmo.

Eu passei com 26 anos, tinha me formado há um ano mais ou menos, um amigo meu passou com 24, outro passou com 23… E eu soube até de uma que tinha 21 anos, estava para tomar posse logo depois de conseguir o diploma de formada.

Então, assim, a tendência do pessoal tem sido sim sair da faculdade direto para o concurso.

É triste para o país, as maiores mentes estão buscando o serviço público, ao invés de desenvolver a sociedade de outras formas, criar empresas que ajudem e tudo mais, mas é uma realidade e você está aí para jogar o jogo de acordo com as regras.

Enquanto o salário for bom, vamos estudar!

 

ESTUDE COMIGO DURANTE 12 MESES!

 

O Coaching (mentoria ou consultoria) é um atendimento em grupo. Eu faço o seu planejamento de estudos inicial, dou acesso a dezenas de vídeos exclusivos com técnicas de estudo e abro espaço para todos os alunos conversarem e trocarem experiências de como estão estudando. CLIQUE AQUI para saber mais!

 

 

E-BOOK GRÁTIS – 9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

Neste eBook, conto minha trajetória e explico passo a passo o que você deve fazer para extrair o máximo dos seus estudos para concursos públicos:

 

9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

SAIBA MAIS:

 

COMO LER MAIS RÁPIDO?

OS 2 ERROS MAIS COMUNS NA PREPARAÇÃO PARA CONCURSO

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas postagens.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos.

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

Deixe seu comentário 7 comentários

  • Jessica Fraga disse:

    Olá Diogo!

    Adorei o seu texto! Me encaixo no grupo de concursandos que concilia trabalho (estágio de 6hs), faculdade à noite (Direito) e estou iniciando meus estudos para concurso público com foco nos tribunais, além da vida conjugal (marido e afazeres domésticos, rs). O que mais gostei no seu texto foi o fato de você ter mostrado que é possível conciliar essas tarefas. Só tenho uma hora “livre” para estudar para concursos e faculdade de segunda à sexta-feiral, e nos finais de semana estudo sábado por 8 horas e domingo 4 horas. Enfim é uma correria, mas vai valer a pena. Acompanho também seus videos no youtube.

    Obrigada pela motivação!

  • Nathan Rodrigues Costa disse:

    Olá Diogo bons textos, e esse assunto abordado encaixaria em mim, pois moro numa cidade e faço faculdade em outra cidade , vou e volto (1 h pra ir e 1h para voltar), e faço faculdade de adm( 3 período) e quero conciliar minha faculdade com concurso público, como alvo, irei estudar pro bacen área 3 , e tem algumas matérias da faculdade pro concurso( macroeconomia, microeconomia e estatística) essasa que devo priorizar ? Tenho três horas livres e não trabalho, como faço as duas coisas juntas?

    • Junior Vicente disse:

      Velho! Estudo à noite na facul da minha cidade mesmo e demoro (1 h para ir e 1 h pra voltar) na mesma cidade, com seu cometário percebo como manaus é grande só que não, é transito e até que o ônibus não para muito vai direto mesmo. Bom estudos para o seu concurso!!!

  • Nathan Rodrigues Costa disse:

    Tem como estudar segunda a sexta ou se quiser pode estudar sábado e domingo?

    • Prof Diogo Moreira disse:

      Olá, Nathan!

      É exatamente sobre a sua dúvida que comento no vídeo. Aproveite os horários que tem disponíveis e não se esqueça de reservar tempo para descansar também, ok?

      Abs!

  • Junior Vicente disse:

    Velho! Estudo à noite na facul da minha cidade mesmo e demoro (1 h para ir e 1 h pra voltar) na mesma cidade, com seu cometário percebo como manaus é grande só que não, é transito e até que o ônibus não para muito vai direto mesmo. Bom estudos para o seu concurso!!!

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?