O erro mais comum de quem já leu uma matéria toda é achar que reler é suficiente para aprender mais. Não é. Existem diversas informações difíceis e muitas decorebas que não entrarão na sua cabeça pela simples releitura passiva.

É necessário ter uma postura ativa a partir de agora para conseguir evoluir sempre. Você deve saber exatamente quais os pontos em que tem dificuldade e quais as decorebas e trabalhar ativamente para aprender/decorar. Isso significa colocar essas informações em um material separado, menor, que será relido com uma frequência maior. Em outras palavras: resumos e esquemas.

Esses resumos são diferentes. Não é para resumir a matéria inteira. Agora, o foco é nas coisas difíceis. É hora de se debruçar sobre aquilo que você sempre erra e aquilo que sempre esquece. Esses resumos mais focados serão relidos com mais frequência porque essas são informações que não entram na sua cabeça facilmente. Algumas terão que ser decoradas na marra. O uso de Mapas Mentais também é uma boa opção, pois é possível dar um aspecto mais visual ao conteúdo utilizando cores e organização espacial.

Outra forma muito importante de evolução é a resolução de provas difíceis.

Você deve buscar as provas mais difíceis lançadas recentemente e tentar resolvê-las. Isso te levará a conteúdos que talvez não estejam no seu material atual, gerando a necessidade de um novo material ou uma boa pesquisa no Google. Além disso, você estará elevando o padrão, seu próprio padrão. Ficar praticando com provas mais fáceis, de Nível Médio, pode gerar uma ilusão de conhecimento. Pegar provas de Procuradores e Magistrados, por exemplo, pode elevar seus próprios padrões e evoluir sempre.

E nunca pare com a resolução de questões. Elas te mostrarão as novas tendências e permitirão que você revise diferentes pontos da matéria, mantendo o conhecimento já obtido. E de bônus você estará mais afiado nos assuntos cobrados com mais frequência, afinal estará praticando todas as questões!