Skip to main content

Concurso da Receita Federal adiado.

Por 09/07/2021julho 13th, 2021Dicas, Editais, Técnicas, Videos

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concurso.

Hoje, dia 7 de julho de 2021, tivemos a notícia de que o concurso da Receita Federal foi adiado. Você talvez nem soubesse que ele estava prestes a acontecer! Neste vídeo, eu explico o que houve e como isso deve afetar seus estudos. Confira!

 

Qual seria a data deste concurso?

 

Quando eu vi essa manchete fiquei preocupado e pensei “bom, ficou para 2023. Estamos no final de 2021.” Falava-se na possibilidade de concurso na virada do ano com posse até antes das eleições do ano que vem. E saiu esta notícia: concurso adiado.

Começou aquele alarme todo, aquela coisa, aquele chororô. Fui ler a reportagem no site do Sindifisco Nacional e eles queriam que a autorização saísse ontem. Ontem era o prazo limite – pasmem – para que a posse ocorresse ainda em 2021. A posse, sim. As pessoas, os aprovados, começarem a trabalhar como Auditores e Analistas em 2021.

Não se cogitava muito essa possibilidade. Ninguém sabia disso. Todo mundo chutando uma prova, um edital em Setembro; ou uma prova em Dezembro ou Janeiro. Tem a segunda fase, e tem o curso de formação que é eliminatório. E uma necessidade de que houvesse a posse até o início de Julho do ano que vem.

Então essa possibilidade voltou à mesa. E, na verdade, na própria reportagem, o Sindifisco Nacional estava tão chateado com este atraso, pois ele realmente queria a posse ainda neste ano e estava contando com isso. Disse que todos os trâmites tinham sido feitos, os processos tinham subido, descido, passado por toda a burocracia possível.

Mas o pessoal que escreveu – o Sindifisco, de uma forma geral – está bem chateado, porque eles queriam a posse esse ano. E falaram que, infelizmente, o edital agora é só em Setembro. Sim, daqui dois meses. Então, para nós que não estávamos a par dessa situação toda, ainda houve gente que ficou meio chateada, desanimada, achando que o concurso não vai vir.

 

Meus amigos, o Sindifisco afirmou que o edital vem em Setembro.

 

Claro que não depende desse, mas mostra que a coisa estava muito avançada. Vínhamos acompanhando a movimentação do processo e realmente já tinha rodado por todas as esferas possíveis e imaginárias, por todos os gabinetes e assessorias e tudo o mais. E pareceu que podia sair a qualquer momento.

Houve até boato – de fonte não conhecida – dizendo que teria saído semana passada, ou que sairia essa semana a autorização, com data; mas não aconteceu. E, pelo que o Sindifisco falou, estava praticamente certo que teríamos essa autorização. Já estava tudo combinado que era para sair ontem dia 7, e não saiu. E com isso, adeus posse este ano.

O problema que encontramos para concurso no ano que vem é: o orçamento era para o concurso – estava sendo negociado – em 2021; e 2022 é um novo orçamento, e esse ainda vai ser fechado. Claro, todos os anos o Orçamento Federal prevê uma certa quantia para novas posses, novos empossados.

Então, existe uma previsão geral. Ele não define qual cargo, ou qual quantidade, nada disso. Diz assim: novos empossados; novos servidores; novas posses. Então terá que caber isso no orçamento do ano passado. No orçamento deste ano já estava certo, mas não saiu.

Para o ano que vem, fica um pouco mais tranquilo de conseguir isso, porque você tem o trabalho todo para o orçamento novo do ano que vem. Tem toda limitação de datas, etc. Então, até 31 de Agosto, esse orçamento tem que estar fechado. E, após isso, OK, o orçamento está fechado, temos autorização. O concurso sai.

 

E você pobre concurseiro, o que pode fazer agora com relação a sua preparação?

 

Se estava pronto contando com esse edital, com a autorização para sair ontem – acalme-se. Eu sei que são poucas pessoas. Eu estou falando com a minoria neste momento. Mas se você já estava muito avançado nos estudos, acalme-se, esta prova deve vir em algum futuro próximo.

Você, provavelmente, já está tentando fazer o Sefaz do Espírito Santo, ou do Ceará. Provavelmente, você está de olho no Sefaz Alagoas, que soltou edital hoje inclusive – analisarei depois. Então, você pode pensar em fazer outras provas. No caso do Sefaz Alagoas, a prova é daqui a três meses e meio. Isso pode atrapalhar sua preparação para a Receita Federal, se a autorização realmente sair a qualquer momento.

Agora veja o seguinte: pelo que o Sindifisco falou dependerá desse orçamento do ano que vem para que tenhamos a autorização. Isso me dá a entender que não há autorização antes de 31 de Agosto. E não tem como sair a autorização antes de 31 de Agosto.

 

Então ganhamos um prazo para a frente.

 

Uma certeza de que este concurso não vem agora imediatamente, o que daria tempo para você se preparar para o Sefaz Alagoas, cuja prova está prevista para o final de Outubro. Por que nós estamos falando isso? Porque, supondo uma autorização em Setembro – conforme o Sindifisco falou – você ainda terá que trabalhar com alguns prazos.

Formação da comissão organizadora, escolha da banca, abertura de prazo para impugnação da banca vencedora. Ou então exceção – não precisar fazer licitação. E depois que escolhem a banca, ainda tem um período até soltar um edital. Então, saiu uma autorização, você pode esperar um ou dois meses até a escolha da banca. Com a escolha da banca, você espera pelo menos um ou dois meses até sair o edital.

 

 Esse é o passo normal. É o ritmo normal.

 

Eles tentarão acelerar porque tem esta limitação de posse antes das eleições do ano que vem. Mas, se você vinha estudando para a Receita Federal e se faz sentido, ou seja, se é correto isso que o Sindicato dos Auditores Fiscais falou – de que é necessário ver o orçamento do ano que vem – não tem como autorização sair até 31 de Agosto.

Então, você está livre para fazer outras provas até Setembro e Outubro. Daria para focar, por exemplo, no Sefaz Alagoas. Se você for um aluno avançado, estudou quase tudo, e está precisando fazer um pós-edital, meta a cara. A leitura que eu faço neste momento é de que dá tempo.

Diogo, sou iniciante e meu drama hoje foi: cara esta autorização vai sair e não vai dar tempo de eu estudar quase nada. Três possibilidades para você: a primeira é ruim, a autorização sair de fato e não dar tempo de você estudar; a segunda possibilidade é a autorização não sair, pois nós não temos certeza de que será autorizado. Não temos certeza de nada.

Tem aquela galera que tem aquele discurso pronto: não vai sair neste governo porque esse governo não quer a Receita Federal, e não quer autorizar. É possível. Ninguém sabe. Nem essa galera, nem eu. Ninguém sabe se isso é verdade ou não. Estávamos com a autorização para sair ontem e não saiu.

 

Realmente havia essa liberdade, essa opção política.

 

Mas, de repente, não houve mais, ou então era mentira, nunca houve pretensão de fazer concurso, ou de autorizar concurso. Não sabemos. Entenda uma coisa, eu falo isso muito para os meus alunos do coaching, e para os alunos do Acelerador de Estudos também.

O concurseiro vive num mundo de incertezas. A incerteza é uma certeza na sua preparação. Você pode contar com a incerteza. Você não sabe quando sai o edital; o edital sairá e você não sabe quando será a prova; e especialmente neste ano de pandemia, não sabemos nem se terá a prova, se será adiada ou não.

Eu acho que não haverá mais adiamentos, está claro para todo mundo. Mas são sempre incertezas. Você não sabe se terá uma matéria nova que não foi cobrada antes. Não sabe de nada. Então aceite esta realidade: estudar para concurso significa navegar sem ter certeza do que vai acontecer.

Então meu amigo, se você estava começando a estudar para a Receita Federal, ou está começando a estudar para a Receita Federal, estude. A prova pode não ser autorizada agora; e se ela não for autorizada agora – daqui até Outubro – dificilmente teremos um concurso no ano que vem. Porque existe a limitação de posse até o início de Julho do ano que vem – por causa dos 90 dias que antecedem as eleições.

 

Fica para o outro ano.

 

Se não for autorizado agora, provavelmente é por problema no orçamento do ano que vem; e não terá posse ano que vem e fica para 2023. O concurso seria só no final de 2022. Ou seja – estamos em Julho de 2021 – neste cenário, não saindo a autorização, o concurso ficará para daqui a quinze meses – mais ou menos. É uma possibilidade real. A autorização pode sair daqui a pouco, mas também pode demorar.

Faça a sua parte e estude. Comece a estudar – se for o caso – porque a prova pode atrasar. Existe ainda uma outra possibilidade – para os mais otimistas – de termos dois concursos. O próprio Sindicato que falou essas coisas com muita segurança hoje – nessa reportagem que liberaram – falou que ele queria um concurso emergencial para depois fazer um concurso maior.

O próprio Sindicato falou dessa possibilidade de dois concursos seguidos. Diogo, você acha isso provável? Não. Mas já aconteceu antes. Tivemos inclusive dois concursos no mesmo ano em alguns anos anteriores, concursos de Auditor da Receita Federal. Já aconteceu, e é uma possibilidade – menor na minha opinião – mas é uma possibilidade.

Não sabemos de nada. E você não pode controlar nada disso. Só se você for secretário de desburocratização, planejamento; nesse caso você pode dar a canetada final tirando. Se você não for essa pessoa, não consegue controlar nada disso. A única coisa que você consegue controlar são seus estudos. Controle os seus estudos.

 

Comece a estudar. Estude da forma correta.

 

A prova pode vir agora, pode demorar, poderão ocorrer duas. Faça a sua parte. Antigamente tinha concurso da Receita a cada dois, três, ou quatro anos. Dessa vez demorou sete. Talvez demore oito. É atípico.

E quando fica muito tempo sem concurso e vem concurso com número reduzido de vagas – essa quantidade de vagas é igual a de 2014 e 2012, ou seja, depois de muitos anos vem a mesma quantidade reduzida de vagas – espera-se que pode haver um concurso logo em seguida.

É uma possibilidade real. Menor, maior, mas é uma possibilidade real. Faça sua parte. Estude para o seu concurso. Se você estiver estudando para Auditor da Receita Federal e estiver muito avançado, consegue fazer vários outros concursos.

São muitas matérias clássicas da área fiscal, matérias grandes que te permitem fazer outras provas. Concurseiro faz concurso. Faça a sua parte, estude e depois faça muitas provas.

Se você gostou desse vídeo clique em curtir. Por favor se inscreva no canal se ainda não se inscreveu. E vamos acompanhando estas notícias. Se você tem interesse em coaching, tem link na descrição, dê uma olhadinha no meu site também. Siga-me no Instagram porque tem muitas dicas lá. No YouTube e Instagram, tudo grátis para você. É isso. Nos vemos em outra oportunidade. Grande abraço até a próxima.

 

 

SAIBA MAIS:

Concurso Analista da Receita Federal: Veja como estudar!

Aprovada na Polícia Federal! Entrevistando Thaina Ourique

Aprovado na PRF! Entrevistando Vinicius Prado, aluno do Coaching!

Concurso BB 2021 – Escriturário Agente Comercial do Banco do Brasil – Análise e dicas de preparação!

Quer aprender a estudar? Entre para a Comunidade Estudo Completo

Sobre o Coaching: https://bit.ly/3zZoVtU

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas informações semanalmente.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos!

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?