Skip to main content

Caderno de Erros – Use dessa forma!

Por 28/11/2020dezembro 2nd, 2020Dicas, Técnicas, Videos

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concurso.

O famoso caderninho de erros se tornou famoso entre os concurseiros que me acompanham há algum tempo. Muitos ainda possuem algumas dúvidas sobre o tema. A seguir, esclareço algumas delas. Acompanhe!

 

Caderno de erros.

 

Aluno Flávio Henri: Professor, o caderno de erros é para ser lido ou é melhor refazer as questões que ali coloquei?

O caderno de erros é para ser lido, ele não é um caderno de questões. É para jogar nele o que você está errando, por exemplo, uma frase, um parágrafo, um esquema, uma caixinha, o que você precisar para lembrar daquele assunto. Não é para copiar e colar uma questão. Ele é baseado nos seus erros nas questões, não é um caderno de questões.

Aluno Neto Machado: Passar pelo caderno de erros antes de começar a resolução das questões daquele tópico ou ao fim da resolução de questões de todos os tópicos?

Boa pergunta.

Nunca, nunca, nunca revise antes de fazer as questões. Nunca! Isso é proibido, é sacrilégio, você vai cometer um crime se revisar antes de fazer as questões. Uma das grandes vantagens didáticas de fazer questões é se esforçar para lembrar, é ter que “caçar” lá no fundo da memória e juntar informação com outra para poder lembrar de tal coisa.

Esse esforço é fundamental para você memorizar. O esforço para lembrar ajuda na memorização. Se você revisa antes, você acaba com o esforço e prejudica a memorização.

Caderno de erros não é estudado junto com as matérias, ele é à parte. Você pega toda a manhã de domingo, por exemplo, para ler os cadernos de erros. Ou então você lê cadernos de erros domingo sim, domingo não. É separado, não misture com as matérias, ele vai andando em paralelo.

 

Desempenho abaixo de 60% ao terminar um PDF.

 

Aluno Flávio Henri: Olá Prof. Moreira. Tudo bem? Boa tarde pessoal. Quando termino um pdf com desempenho abaixo dos 60%, a estratégia é ler os comentários das questões erradas e seguir com a matéria para o próximo pdf?

Não. Essa é a estratégia normal que é quando você acerta mais de 60%. Revisa o que errou e segue adiante. Quando for abaixo de 60%, significa que você reteve pouco. Então, faça as questões, revise o que errou (você verá que acertou menos de 60%) e dê uma revisão geral na aula.

Releia todos os grifos, dê uma passada geral na aula. Isso é para ter mais um contato com o assunto antes de seguir adiante. Não é para se descabelar, não é o fim do mundo. É só uma revisão extra, coisa simples para você ter mais um contato antes de seguir adiante.

Entenda o seguinte, se você estiver com um percentual sempre abaixo de 60%, há algum problema. Se você está no material escrito, tente a vídeo aula. Se você já está usando a vídeo aula e está acertando menos de 60%, significa que o professor é ruim, você não está conseguindo entender ou você pode estar com uma dificuldade muito grande.

Então, alternativas têm que ser pensadas, mas a primeira delas é assistir vídeo aulas quando você está com percentual de acertos mais baixo. Via de regra, o estudo será com material escrito.

 

Como estudar com 5 horas líquidas?

 

Aluna Francikleia Michels: Se tenho 5 horas líquidas, faço 5 matérias ou faço menos matérias com carga horária maior?

Na Comunidade Estudo Completo, nas vídeo aulas sobre Ciclo de Estudos, falo um pouco sobre isso, a divisão da carga horária. O ideal é que você tenha um estudo da mesma matéria durando entre 50 e 90 minutos.

Menos de 50 minutos, você está trocando matéria rápido demais, ou seja, você ganha um ritmo nela e já está na hora de trocar. Isso não é interessante.

Mais de 90 minutos, começa a ficar cansativo, sua concentração e retenção de conhecimento caem porque você está muito tempo na mesma matéria. Tente manter as matérias entre 60 e 90 minutos. Se você tem 5 horas líquidas por dia, veja, no máximo, 5 matérias.

Eu faria, provavelmente, 2 matérias com 90 minutos e 2 com 60 minutos, ou seja, 4 matérias diferentes em um dia. No outro dia, outras 4 matérias, 2 com 90 minutos e 2 com 60 minutos.

 

SAIBA MAIS:

Tem que DOMINAR as disciplinas para PASSAR?

Estudar UMA matéria por muito tempo é RUIM

Concurso PC-PA – Análise do edital e dicas de estudo!

Quer aprender a estudar? Entre para a Comunidade Estudo Completo

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas informações semanalmente.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos!

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?