Skip to main content

Concurso da Receita Federal 2019

Por 03/01/2019março 12th, 2019Técnicas, Videos

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor-Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concursos.

Concurso da RFB sai ou não sai nesse ano de 2019? Como estudar para ele? Nesse vídeo traço um panorama geral para a sua preparação. Confira as dicas!

 

O último concurso para Auditor da Receita Federal foi em 2014 e para Analista, em 2012. Logo, há uma grande necessidade de pessoal mas ninguém sabe quando essa prova vem. 

 

A verdade é que a cada ano que passa é mais provável que essa prova chegue. A demanda e a carência de pessoal são muito grandes. Existe uma pressão muito grande para sair esse concurso. Com a mudança de governo a abertura desse concurso fica sempre meio nebulosa, ninguém sabe se o governo vai começar abrindo alguns concursos principais ou se ele vai pisar no freio e não vai abrir prova nenhuma.

A Receita Federal tem pedido de concursos com número significativo de vagas, 300 (trezentas) vagas para Auditor e 1000 (mil) para Analista, às vezes, mais do que isso, mas não sabemos como o governo irá se comportar.

Independente disso, se você está começando a estudar para concurso, então você quer, na verdade, que essa prova demore. Não se apavore se ela já estiver para sair, pois virá outro concurso em seguida.

Já teve caso em que o concurso da Receita Federal aconteceu duas vezes no mesmo ano. Nada impede que saia um em 2019 e outro, em 2020.

 

Nada impede também que você amadureça como concurseiro, entendendo que há outros concursos públicos igualmente interessantes e que você pode estudar para eles.

 

No início tenha um objetivo claro. Se o seu objetivo é Receita Federal, então esse vídeo é para você.

Se estiver em dúvida entre o concurso de Auditor e Analista e achar que tem condições de brigar pelos dois cargos, então foque no concurso de Auditor inicialmente e dê preferência àquelas matérias que são as mesmas que caem para Analista, pois são parecidas.

Com o material de Auditor você verá mais assuntos com mais profundidade. Isso permitirá que você passe mais fácil para a prova de Analista. Estudar para Analista e depois tentar uma prova de Auditor é mais difícil do que o contrário.

Se você está começando agora, então comece pelo Ciclo Básico com as 6 (seis) matérias básicas da Área Fiscal. Elas são a base do concurso da Receita Federal e também servem para diversos outros fiscos estaduais e municipais.

O Ciclo Básico é composto pelo Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Contabilidade Geral, Português e Exatas (Matemática e Raciocínio Lógico). Essas 6 (seis) matérias devem estar no seu ciclo inicial.

 

Elas são a base para quase todos os concursos, especialmente os da Área Fiscal.

 

Elas têm de ser estudadas desde agora, especialmente Direito Tributário e Contabilidade Geral, essa última considerada uma das matérias mais difíceis desse grupo de matérias do concurso da Receita Federal.

Com esse ciclo inicial de estudos, insira as revisões periódicas e resoluções de questões. Eu trato disso exaustivamente em diversos outros vídeos. Há uma playlist de técnicas de estudo, sugiro que você assista.

Dê uma olhada também no meu site www.profdiogomoreira.com.br e, se estiver apressado, tenho um eBook em que ensino exatamente como estudar para os concursos da Receita Federal, seja para Analista ou seja para Auditor. Esses eBooks também estão no meu site e apresentam uma metodologia completa.

Como evoluir o Ciclo Básico após o término das seis matérias básicas da Área Fiscal ou o término de algumas delas?

 

A sétima matéria costuma ser Auditoria e ela serve também para diversos outros fiscos estaduais e municipais. É bom bater nessa tecla: às vezes o concurso da Receita Federal sai antes da hora, antes do que seria ideal para você e você tem que estar “antenado” para essas outras provas.

Além disso, você deve treinar outras provas da Área Fiscal para “pegar o jeito” do que é fazer uma prova de concurso.

Não deixe que a Receita Federal seja sua única experiência no mundo dos concursos, porque na hora você vai ficar nervoso, vai sentir fome, vontade de ir ao banheiro, sentir falta de ter levado uma água ou vai levar uma caneta da cor errada. 

Acredite, eu já vi gente ser eliminada porque levou a caneta da cor errada.

 

Depois de Auditoria, tome uma decisão: estudar as específicas da Receita Federal ou manter as matérias gerais que podem ser aproveitadas em outras provas.

 

Se o seu negócio é Receita Federal, então já pode inserir, por exemplo, Comércio Internacional, Legislação Tributária Federal e Legislação Aduaneira. Três matérias grandes e importantes e que devem ser vistas o quanto antes.

Porém, se acha que a Receita Federal ainda não é para você e quer fazer outros fiscos, então insira, por exemplo, Administração Pública e Administração Geral.

Com essas cinco matérias novas, independentemente da ordem que você acrescentou no seu ciclo, está quase completa a quantidade de matérias a serem estudadas para o concurso da Receita Federal. Boa parte delas servem para outros concursos.

Temos ainda Estatística, uma das matérias mais difíceis que há no mundo, e Direito Previdenciário que não é especialmente difícil, mas que muda muito e, portanto, gosto de deixar o estudo dela mais para frente.

Falo sobre isso aos meus alunos do Coaching e também nos meus e-books. Sugiro que deixe essa matéria mais para frente, pois ela muda demais e o ideal é estudar ela atualizada na reta final.

Nós vimos as 6 (seis) matérias básicas da Área Fiscal, adicionamos Auditoria, logo depois, Comércio Internacional, Legislação Tributária, Legislação Aduaneira, Administração Pública, Administração Geral.

Sugiro que você não insira Estatística e Direito Previdenciário no seu ciclo agora, mas outras matérias que caem nos fiscos estaduais e municipais e que podem ser cobradas na próxima prova da Receita Federal.

Direito Penal, Direito Civil, Direito Comercial, Economia e Informática já caíram em concursos anteriores da Receita Federal, no meu concurso de 2009, por exemplo, quase todas caíram, com exceção de Informática. Informática e Tecnologia da Informação têm sido cobradas nos fiscos estaduais e municipais.

O que aumenta ainda mais a chance dessas matérias serem cobradas é o fato de que a ESAF, que sempre foi a banca da Receita Federal, não será a banca do próximo concurso, conforme comunicado divulgado pela própria ESAF.

 

A expectativa é que seja FCC ou CESPE, lembrando que a FGV, pelo menos nessa data, está impedida de assinar novos contratos com o governo.

 

Sugiro que essas matérias que podem vir a ser cobradas na Receita Federal não sejam colocadas no seu ciclo antes das matérias que citamos anteriormente (Comércio Internacional, Legislação Tributária, Legislação Aduaneira, Administração Pública, Administração Geral)

A não ser que você tenha definido que a Área fiscal é o seu interesse e que os fiscos estaduais são aquilo que você quer. Nesse caso essas matérias (Direito Penal, Direito Civil, Direito Comercial, Economia e Informática) devem vir antes daquelas cinco citadas anteriormente.

Eu também tenho um eBook focado na Área Fiscal em que trago toda essa estratégia de estudo, com ciclos de estudos, revisões periódicas e também falo da Receita Federal, para quem quer estudar para Área Fiscal mantendo um “pezinho” na Receita Federal.

Citamos as seis matérias básicas da Área Fiscal, citamos Auditoria, as outras 5 matérias da Receita Federal e mais 4 dos outros fiscos. Só aí, se eu não perdi as contas, são 16 matérias.

 

O estudo para Área Fiscal é mais longo, mais demorado e você tem que entrar nessa vida com calma.

O concurso que você queria pode vir antes da hora, então dê um tchauzinho para ele e se mantenha firme no seu objetivo.

Eu tive alunos do Coaching que desde 2015 foram até o final da sua preparação, conseguiram estudar todas as matérias da Receita Federal, e depois, com todas essas matérias “no bolso”, começaram a treinar para outras provas de fiscos estaduais, tribunais de contas, mas primeiro tiveram um objetivo claro e se mantiveram focados na Receita Federal.

Tente outros fiscos, inclusive tribunais de contas, mas tenha um objetivo definido, trace meta de estudar primeiro todas essas matérias, faça concurso somente como treino durante um tempo, pelo menos no começo.

Assim você estará trilhando o caminho do sucesso do concurseiro que é ser um aprovado. Objetivo, foco e determinação.

Desejo que você alcance o seu objetivo mais rápido possível, que você saia logo dessa sua vida bandida que é estudar para concurso.

Conte comigo, seja no YouTube, no Instagram, no meu blog ou então no Coaching.

 

Prepare-se em alto nível para o concurso da Receita Federal!

 

Se você está estudando para o próximo concurso da Receita Federal, seja para o cargo de Auditor-Fiscal ou Analista, elaborei dois e-books com o passo a passo explicativo das técnicas que utilizei pra estudar e como ensino os meus alunos do Coaching a estudar para esse concurso.

É um verdadeiro compilado da metodologia completa de estudos com instruções acerca de como fazer revisões periódicas, exemplos de ciclos de estudo, e muito mais! Confira:

 

  AFRFB 2018 ebook    ATRFB 2018 ebook

 

Ebook “Concurso Área Fiscal – Técnica Completa e Ciclos de Estudo”

 

Área Fiscal! Seu concurso mais famoso é o da Receita Federal, claro. Mas e os outros “fiscos”, estaduais e municipais? Muitas vezes, seus salários são ainda maiores e alguns chegam a ter mais vagas que o Fisco Federal.

Aqui, analisei diversas provas recentes de fiscos estaduais e municipais, além das provas mais famosas (e com salários mais altos) e apresentei as características que todas essas provas têm em comum. Em outras palavras, tracei um caminho para estudar para diversos concursos da área fiscal ao mesmo tempo.

Para mais informações sobre o ebook, clique abaixo:

 

ebook Concursos Área Fiscal

 

ESTUDE COMIGO DURANTE 12 MESES!

 

O Coaching (mentoria ou consultoria) é um atendimento em grupo. Eu faço o seu planejamento de estudos inicial, dou acesso a dezenas de vídeos exclusivos com técnicas de estudo e abro espaço para todos os alunos conversarem e trocarem experiências de como estão estudando… CLIQUE AQUI para saber mais!

 

 

E-BOOK GRÁTIS – 9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

Neste eBook, conto minha trajetória e explico passo a passo o que você deve fazer para extrair o máximo dos seus estudos para concursos públicos:

 

9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

SAIBA MAIS:

 

BALANÇO GERAL DOS CONCURSOS DA ÁREA FISCAL EM 2018

CONCURSOS PÚBLICOS EM 2019 – PANORAMA GERAL E OPORTUNIDADES

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas postagens.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos.

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?