Skip to main content

Tentar vários concursos da Área Fiscal ou focar em um só?

Por 19/08/2018janeiro 18th, 2019Técnicas, Videos

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor-Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concursos.

 

Qual rumo escolher entre os concursos da área fiscal, agora que ela está bombando?

 

ICMS-GO, ICMS-RS, ICMS-SC, ICMS-BA, ISS Campo Grande, ISS Curitiba e SEFAZ-DF! São muitos os concursos da área fiscal que estão começando a tomar corpo, definindo bancas, surgindo boatos…

E aí? Qual rumo escolher? Como é que você define uma linha de ação com tantos concursos surgindo ao mesmo tempo? E você que tinha definido focar na área dos concursos estaduais por causa da LDO 2019?

Ontem, quando estava gravando esse vídeo o “presidento” resolveu vetar a restrição das nomeações para 2019. Isso quer dizer que agora a Receita Federal já não está mais proibida de nomear no ano que vem. Diante disso o que você deve fazer?

 

Primeiro vamos falar da Receita Federal

 

Ela já não vinha dando as caras de qualquer autorização ou qualquer concurso em 2018. Apesar de que não é impossível, já que esse vídeo está sendo gravado em meados do mês de Agosto de 2018. Atualmente, o que posso dizer é que não está parecendo que irá sair um concurso ou autorização ainda esse ano. Difícil saber ao certo.

O fato é que agora ela já não está mais jogada para o futuro, como nós vínhamos pensando por causa da redação da LDO 2019, aprovada pelo Congresso Nacional. Nada impede de termos o concurso ano que vem com nomeações.

É difícil, atualmente, ver um cenário de uma prova muito próxima. Além disso, o veto presidencial não implica necessariamente na ocorrência de concursos. 

Nós estamos naquele cenário anterior ao da LDO. Não há boatos novos, ninguém sabe o que irá ocorrer realmente. Estamos aguardando.

O que está bombando no momento são os concursos de receitas estaduais e municipais. Temos muitos e, provavelmente, você deva estar aí meio perdido a respeito de qual concurso focar. 

Afora as limitações geográficas, pois obviamente você escolherá uma prova mais próxima da sua casa, existem outras coisas que você deve levar em consideração no momento de escolher uma prova. 

 

Primeiro fica o alerta: escolha um rumo!

 

Não saia atirando para todos os lados ao mesmo tempo, especialmente se você for iniciante. 

Para quem é iniciante a idéia é que tome direção para uma prova, vá acumulando conhecimento, matérias concluídas, faça as matérias passarem de um nível para o outro (da leitura inicial às revisões), vá fazendo isso matéria a matéria, sempre levando em consideração a possibilidade de que o edital que você estava pensando em fazer pode sair cedo demais. 

Não saia estudando para o ICMS-SC, já pegando as específicas. Não! Comece com um leque mais aberto, pegue as 6 matérias básicas da área fiscal, depois auditoria e depois vá pegando matérias que sejam comuns às outras provas que você pretende tentar também.

Saiba também olhar para um edital e verificar que saiu cedo demais, que não vai dar para você, sendo melhor tentar outra prova.

Lembrete: O ICMS-RS teve exigência de formação específica no último concurso. Fique alerta!

 

Diogo, estou estudando para a SEFAZ-GO, posso estudar também para o ICMS-SC?

 

Essa foi uma pergunta que recebi de um aluno da Academia Prof. Diogo Moreira. O que falei para esse aluno foi: se você está estudando para a SEFAZ-GO, foque 100% nessa prova. Se você está levando a sério e se desenvolvendo nas matérias, foque nessa prova. 

“Mas, Diogo, e depois vai sair ICMS-SC, vai sair também o ICMS-RS, tem também o ICMS-BA…”

Calma! Você irá definir o rumo seguinte um dia após a prova da SEFAZ-GO. Primeiro entre de cabeça nessa prova e depois de cabeça em outra prova. Caso contrário, a coisa pode sair do controle e se você fizer todas as provas mal feitas será quase certeza de nenhuma aprovação. 

Então tem que ter especificação nos estudos, você tem que aprender a focar em uma prova, cair de cabeça nela para ter chances reais de aprovação.

Cada situação é muito particular, claro. Por isso eu, como Coach, tenho que analisar caso a caso, por isso que existe a Academia: para termos um espaço para tirar as dúvidas dos alunos, essas que vão surgindo ao longo da preparação.

O que posso fazer aqui no YouTube é dar essa orientação geral, passando alguns “critérios” para que você analise a sua própria situação. 

O ICMS-BA tem grandes chances de acontecer nos próximos meses de 2018, então deve ser levado em consideração também.

 

Se você já é um aluno que está mais avançado nas matérias, aí sim é momento de especificar o estudo.

 

Diogo, então eu vou ler legislação tributária estadual de todas as provas? Não! Escolha uma e estude para ela, pois há muitas coisas em comum nessas legislações tributárias estaduais. Com o tempo você vai pegando os detalhes. Você ler a teoria inteira dessas legislações para cada estado é algo contraproducente. Inclusive essa foi uma outra dúvida que tirei na Academia essa semana.

“Diogo, você acha que quem está correndo atrás desses fiscos estaduais está se distanciando da Receita Federal?”

Depende! O aluno iniciante, que está correndo atrás dos fiscos estaduais pode sim estar se distanciando do objetivo da Receita Federal. O aluno avançado, que já domina várias matérias, ele consegue pular de uma prova para outra com mais facilidade. 

Esse aluno avançado, provavelmente, já pegou algumas matérias que são específicas da Receita Federal, como, por exemplo, comércio internacional, ou então a Legislação Tributária Federal e já tem as matérias no modo revisão ou já tenha tido um contato inicial e não fique tão difícil correr atrás delas em um pós-edital. 

Então o que define o grau de sucesso nesses casos é realmente você estar mais avançado ou não. Qualquer iniciante, que fique pulando de prova em prova irá ter dificuldade. Se você se manteve na área fiscal durante muito tempo, se você manteve essas matérias razoavelmente dominadas, fica muito mais fácil pular de uma prova para outra e nem mesmo a Receita Federal fica tão distante assim.

 

Se hoje, em meados de Agosto de 2018, você ainda está lendo as matérias do ciclo básico da área fiscal, se o edital da Receita Federal vier no primeiro trimestre do ano que vem, vai ficar apertado para você!

 

Então, se você está no começo, se o seu sonho é a Receita Federal, pegue o ciclo básico, mire na Receita Federal, utilize o ciclo inicial das 6 matérias básicas, depois Auditoria, depois Comércio Internacional para ter uma noção melhor (por essa matéria ser mais difícil), depois Administração Pública, Legislação Tributária Federal e aí sim, estando com essas matérias todas dominadas ou ao menos vistas no modo revisão, você consegue direcionar para uma outra prova. Antes disso, fica muito difícil porque falta tempo.

Eu sou considerado um “ponto fora da curva”, por ter estudado apenas 9 meses do primeiro momento que estudei para concursos na minha vida até a prova da Receita Federal. O normal é 1 ano e meio, dois anos.

Existem maneiras de tentar acelerar os seus estudos. Assim que eu estudei: de maneira mais acelerada e é isso que eu ensino aos meus alunos na Academia e é isso que eu cito nos meus ebooks também.

 

Existem muitas maneiras de estudar para concursos.

 

Se você acelerar demais os estudos antes da hora, as coisas podem ficar um pouco complicadas para você. Há pessoas que conseguem e outras que não. De uma forma geral é bom você ter um objetivo de médio/longo prazo, ou seguir estudando para uma área de concursos similares durante muito tempo.

Quando você estuda todas as matérias do ciclo básico de uma área de concurso e já está com todas elas dominadas, você é capaz de observar a situação do momento e escolher qual concurso irá prestar. Cuidado apenas para não tomar uma decisão antes da hora.

Hoje você não tem como tomar uma decisão acerca do concurso da Receita Federal, pois não há notícias. A autorização ainda não saiu, não há boatos mais fortes, então faça a sua parte, comece pelo ciclo básico e vá dominando as matérias pouco a pouco e depois você toma as decisões. 

Sem autorização do concurso há um grande risco de você ficar pulando de um concurso para o outro, ficar ansioso, nervoso por não saber qual rumo tomar, qual prova fazer e acabar atrapalhando a sua preparação.

 

Ebook Concursos Área Fiscal – Técnica Completa e Ciclos de Estudo

 

Área Fiscal! Seu concurso mais famoso é o da Receita Federal, claro. Mas e os outros “fiscos”, estaduais e municipais? Muitas vezes, seus salários são ainda maiores e alguns chegam a ter mais vagas que o Fisco Federal.

Aqui, analisei diversas provas recentes de fiscos estaduais e municipais, além das provas mais famosas (e com salários mais altos) e apresentei as características que todas essas provas têm em comum. Em outras palavras, tracei um caminho para estudar para diversos concursos da área fiscal ao mesmo tempo.

Para mais informações sobre o ebook, clique abaixo:

 

ebook Concursos Área Fiscal

 

ESTUDE COMIGO DURANTE 12 MESES!

 

O Coaching (mentoria ou consultoria) é um atendimento em grupo. Eu faço o seu planejamento de estudos inicial, dou acesso a dezenas de vídeos exclusivos com técnicas de estudo e abro espaço para todos os alunos conversarem e trocarem experiências de como estão estudando. CLIQUE AQUI para saber mais!

 

 

E-BOOK GRÁTIS – 9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

Neste eBook, conto minha trajetória e explico passo a passo o que você deve fazer para extrair o máximo dos seus estudos para concursos públicos:

 

9 PASSOS QUE ME LEVARAM À APROVAÇÃO EM 9 MESES

 

SAIBA MAIS:

 

LARGAR O EMPREGO PARA ESTUDAR PARA CONCURSO

VALE A PENA DEIXAR A RECEITA FEDERAL DE LADO PELO ICMS-SC (2018)?

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas postagens.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos.

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

Deixe seu comentário 5 comentários

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?