Skip to main content

Você só PERCEBE quando PIORA

Por 22/11/2019novembro 25th, 2019Dicas, Técnicas, Videos

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concurso.

 

Você já buscou melhorar a cada dia e não notou muita diferença?

 

Seja uma técnica nova, um hábito ou uma rotina, muitas vezes nós fazemos o que todos dizem que é melhor e não sentimos diferença quase nenhuma. Por que isso acontece? No meu canal no Youtube trato sobre autodesenvolvimento, disciplina, melhoria da rotina.

Isso é muito importante para quem está tentando fazer qualquer coisa extraordinária na vida, seja esporte, concurso, doutorado ou até mesmo vestibular. Mas, especialmente, meus seguidores em sua maioria são estudantes para concursos, por isso trato tanto desse assunto no canal.

Entretanto, eu não estudo para concurso e sigo boa parte daquilo que ensino nesse canal. O autodesenvolvimento e o aumento da produtividade no dia a dia são capazes de fazer com que você pare de perder tempo com besteiras, que se organize melhor, que consiga definir melhor suas metas, o que você quer alcançar de fato.

Isso serve para muita coisa na vida, por exemplo, ter mais tempo de qualidade com seus filhos. É entender a situação atual, onde você quer chegar e qual sua meta (quero passar um tempo com meus filhos por dia com atividades interessantes e desenvolvendo eles ao mesmo tempo).

Se isso não estiver claro para você ( seja isso ou seja estudar para Auditor da Receita Federal), então você não alcançará uma produtividade muito alta e não alcançará seu objetivo no curto prazo. Se você segue minhas dicas, provavelmente você está rendendo mais nos estudos hoje do que antigamente.

Esse vídeo é para chamar sua atenção porque provavelmente você nem percebeu o quanto seu estudo melhorou. Em diversos aspectos da nossa vida fazemos coisas, experimentamos melhorias, mudamos rotinas e não percebemos tão fortemente quando melhora quanto percebemos quando piora.

É interessante, às vezes, voltar um pouco atrás e fazer de uma forma ruim para sentir se melhorou ou não. Você sentirá isso mais claramente. Um exemplo é a postura, enquanto gravo vídeos tenho uma certa postura e quando estou em casa não percebo o quanto minha postura está ruim.

 

Mas quando concerto minha postura percebo realmente que ela estava ruim.

 

E quando volto para a postura errada vejo que era gritante a diferença, o quanto estava ruim. Quando você melhora você não sente tanta diferença, mas quando piora novamente percebe o quanto estava ruim.

Nós só percebemos as mudanças tão claramente quando as coisas pioram. Vou compartilhar com você algo bastante pessoal. A minha rotina foi completamente modificada nos últimos meses para pior. Boa parte da produtividade que tinha anteriormente desapareceu. Fiquei altamente improdutivo nas últimas semanas ou meses.

O ano de 2019 foi um pouco tumultuado, veio o nascimento da minha filha nos Estados Unidos e foi um período de pouca produtividade. Na volta ao Brasil, ficamos na dúvida entre mudar de apartamento por causa dos filhos, nisso a produtividade estava ruim porque trabalhar em casa com dois filhos é difícil.  Resolvemos mudar de casa e aí vieram as pinturas, colocação de gessos, troca de móveis etc.

Estou também com um novo escritório. Só depois que a casa e o escritório estiveram prontos comecei a ter produtividade novamente. Como eu estava antes? Eu achava que estava bem. Entretanto, olhando para trás percebi que lia 20 a 30 páginas de um livro todos os dias, ouvia 2 audiolivros por mês, estava estudando italiano no Duolingo, estava gravando vídeos perfeitamente no Youtube, conseguia responder todos os alunos em poucas horas. 

Depois, tudo começou a desandar e vi que estava numa situação de alta produtividade e de repente perdi tudo. O primeiro passo que me fez perder tudo isso foi a mudança no ambiente de trabalho. No seu caso que estuda para concurso, seria o ambiente de estudo.

Um dos meus primeiros vídeos é “O ambiente de estudos”. Isso faz toda a diferença porque se você tem um ambiente que é barulhento, todos os dias o barulho irá lhe atrapalhar. Se você tem uma cadeira que não está apoiando a lombar, todos os dias suas costas vão doer. Se a iluminação é ruim, sua vista vai te atrapalhar.

 

A ambiente é a base de tudo.

 

Sem um ambiente correto, com o material alto e levemente inclinado, com a lombar encostada na cadeira, sem isso adequadamente nos seus estudos irá gerar atrito, dificuldade e incômodo. E tudo isso é anterior à criação de rotinas, hábitos e disciplina.

Ter esse escritório permitiu que eu voltasse a ter uma rotina normal e criou um bom ambiente de trabalho. Já tinha desistido de trabalhar em casa com dois filhos pequenos. Aqui minha produtividade voltou, consegui gravar 10 vídeos em 3 dias, isso me deu ânimo e segurança.

O material de filmagem, câmera, notebook ficam sempre prontos. Eu apenas sento e trabalho. Assim como falo para vocês se sentarem e estudarem. Quem estuda em casa tem que deixar o ambiente pronto e organizado. Quem vai para a biblioteca tem que saber quais materiais levar. Tudo isso para reduzir o atrito da sua produtividade.

Com o ambiente pronto surgem novos desafios. Assim como vocês encontram dificuldade de concentração e procrastinação no começo, eu também encontrei. Havia dias que tinha apenas 3 horas para ficar no escritório, mas olhava whatsapp, site, vídeos no Youtube e quando percebia estava procrastinando.

Isso é falta de ritmo de trabalho. Quando estava no ritmo de altíssima produtividade, eu era capaz de sentar e gravar um vídeo em 3 minutos, pois já sabia o que ia falar e havia concentração. Entretanto na volta é sempre difícil, foi difícil para mim assim como é difícil para vocês também.

Agora preciso reinserir outras práticas na minha rotina, por exemplo, a leitura de livros (porque parei completamente nas últimas semanas), voltar a ouvir meus audiobooks (seja no caminho para o escritório, seja em casa no dia a dia), assistir alguns cursos. Esse meu espaço vai favorecer, mas ainda estou desorganizado.

Quais livros tenho que ler ou ouvir agora? Qual curso tenho que fazer primeiro? Tenho que traçar uma rotina para o dia a dia, traçar metas, identificar exatamente o que quero realizar e priorizar.
Isso é o que vocês têm que fazer com o ciclo de estudo, com a escolha de matérias, como estudar e fazer as revisões periódicas.

Existe muito paralelismo entre a minha rotina como criador de conteúdos e professor e a sua rotina como estudante para concurso. Sobre rotina e disciplina há dois vídeos no meu canal, assista (eu vou assistir porque preciso retomá-las) porque não é fácil voltar em alta produtividade. Você tem que ralar para retornar. Os vídeos são os seguintes:É por isso que você está sempre cansado!” e  “É por isso que você não termina nada | Livro Trabalho Focado (Cal Newport)”.

 

 

SAIBA MAIS:

PCDF e Senado (Policial Legislativo) ao mesmo tempo?

Concurso Senado: Policial Legislativo – Como estudar!

Autoconfiança e mentalidade de aprovado

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas informações semanalmente.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos!

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

 

 

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?