Skip to main content

Sono após o almoço.

Olá! Meu nome é Diogo Moreira, sou Auditor Fiscal da Receita Federal e estou aqui para te ajudar a sair dessa “vida bandida” que é estudar para concurso.

 

Sono após o almoço.

 

Sinto um sono absurdo depois do almoço e mesmo assim faço 6 horas diárias. Como fazer para superar esse problema? Bom, se você estuda em casa, eu sugiro que você tire um cochilo de 30 minutos marcados no relógio.

Não é pra dormir. Dificilmente você entrará em sono profundo nesse período, mas estes minutos após o almoço já servem como um ciclo de sono. Há uma teoria de que o nosso sono gira em ciclos de 1 hora e meia, mais ou menos, então é ideal que você durma por noite, 6 horas ou 7 horas e meia ou 9 horas, por exemplo.

Varia de pessoa para pessoa. Mas o ideal é que você faça 5 ciclos por dia, então daria 7 horas e meia. Isso é bem teórico, cada pessoa tem a sua realidade. Se você fizer 6 horas de noite e mais meia horinha depois do almoço, conta como 5 ciclos, essa meia horinha conta como um ciclo também.

Tem algumas coisas que podem estar causando esse sono muito, muito forte, a principal delas pode ser a alimentação. A forma como você se alimenta durante o dia inteiro pode estar contribuindo para o sono que você sente depois do almoço.

 

Não é só o que você combinou no almoço, mas essa é a primeira coisa a se atacar.

 

Comidas muito pesadas têm digestão lenta, difícil, então muita carne e muita gordura exige muito do seu corpo para digestão, aí você sente aquela maré de sono depois do almoço.

Evite alimentos pesados como, carne vermelha, gordura, porque isso vai acarretar um sono maior depois do almoço. E segundo, evite também café e muito açúcar durante o dia, porque tem um efeito rebote, do mesmo jeito que você sente aquele pico de energia, depois vem o buraco, vem o vale.

Tente manter uma coisa mais constante no seu dia a dia. Evite esses altos e baixos, para que não tenha essa queda tão forte depois do almoço. Se você está estudando para concursos e está o dia inteiro em casa, por exemplo, é possível ter uma rotina mais controlável.

Experimenta reduzir o café até tirar. Não tire do dia para a noite, porque vai dar até dor de cabeça, mas vai reduzindo o café até retirar completamente. Evite alimentos ricos em açúcar, industrializado, chocolate doces em geral, coca-cola, umas coisas assim. Tente manter a regularidade, sem excessos de qualquer natureza.

 

 

SAIBA MAIS:

Automotivação.

Autoconfiança e mentalidade do aprovado.

Tédio nos estudos.

 

E se você quiser conferir mais dicas sobre concursos como essa, coloque o seu e-mail no campo “Receba novidades” no final desta página, para receber novas informações semanalmente.

Me siga nas redes sociais para acompanhar mais conteúdo a respeito de concursos públicos!

Muito obrigado e até a próxima!

 

Compartilhe este post por meio dos links abaixo:

Deixe seu comentário Um comentário

  • Sheila Cristina Macário Oliveira disse:

    A neurocientista Doutora Rosana Alves fala dos benefícios para memória esse cochilo de 30 minutos após o almoço! Recomendo procurar o que ela fala do assunto.

Deixar comentário

Quer receber mais informações e ajuda sobre este e outros concursos?